Página do projeto foi lançada no Catarse

A página do projeto de documentário “Pinheirinho – um ano depois” foi lançada nesta última sexta-feira no site do Catarse. Assim, agora já é possível que todas as pessoas possam colaborar com o projeto para que possamos produzir o filme e dar voz à história dos moradores do Pinheirinho desde o momento da reintegração de posse, realizada no dia 22 de janeiro de 2012.

As contribuições podem ser feitas a partir de R$ 10,00 e, como incentivo para conseguir mais colaboradores, pensamos em uma série de recompensas que serão oferecidas a cada colaborador de acordo com o valor de sua contribuição. Desde o nome nas páginas de agradecimento do projeto neste blog e nas redes sociais, passando por ter o nome incluído nos créditos, uma camiseta exclusiva do projeto de documentário, um DVD especial e até mesmo participar da noite de pré-estréia do filme que estamos organizando para ser realizada em São José dos Campos.

PARA SABER MAIS COMO CONTRIBUIR COM O PROJETO, nossos objetivos extras e os valores das colaborações, visite nossa página no site do catarse.

LANÇAMENTO do vídeo para captação de recursos no Catarse

Acaba de sair do forno o vídeo que a equipe de produção do projeto de documentário PINHEIRINHO, UM ANO DEPOIS vai disponibilizar no Catarse para pedir a colaboração dos amigos a fim de arrecadar o fundo necessário para conseguirmos produzi-lo.

Imagem: Juliana A. Reis

Foi difícil editar todo o material que colhemos em um vídeo de cinco minutos, mas acho que conseguimos um excelente resultado. Neste vídeo contamos com os depoimentos de ex-moradores da comunidade do Pinheirinho, como a Carmen Benedita de Jesus e a Marinalva, além do líder comunitário, Valdir Martins, o Marrom e os depoimentos do Senador da República, Eduardo Supplicy e da relatora especial da ONU para moradia adequada, a professora Raquel Rolnik. Há outros depoimentos colhidos, mas como disse, planejávamos fazer um vídeo de 3:30 e, no final, o vídeo que vamos subir está com 5:00 de duração.

Agora o projeto entra na fase de captação de recursos, que é a fase mais complicada. Optamos pelo sistema de Crowd Funding, que no Brasil ganhou corpo através do site do Catarse. O vídeo ainda não foi disponibilizado no site, mas em breve já estaremos com nossa página registrada e você poderá colaborar. Por enquanto, você já pode ver o vídeo abaixo para ter uma ideia do documentário que pretendemos fazer.

Após a captação dos recursos, a ideia é viajar algumas vezes a São José dos Campos e acompanhar o dia-a-dia da vida dos ex-moradores do Pinheirinho em suas casas. Além disso, também continuaremos a entrevistar alguns especialistas sobre o assunto, políticos e demais envolvidos no caso do Pinheirinho. Tentaremos acompanhar o leilão da área que foi desocupada e, também, falar com Prefeito de São José dos Campos, Juíza que deu a ordem da desocupação de posse, comandantes da Polícia Militar e demais envolvidos com a ação  de reintegração de posse.

Por enauqnto, em nome da equipe de produção, gostaria de agradecer aos entrevistados, a todos que participaram das gravações e aos amigos que colaboraram ajudando a conseguir as entrevistas ou produzindo materiais. Aqui segue o nome de alguns a quem gostaríamos de agradecer:

Entrevistados:

  • Carmen Benedita de Jesus
  • Marinalva Ferreira da Silva
  • Juarez Silva
  • Valdir Martins
  • Eduardo Supplicy
  • Raquel Rolnik

Equipe de Apoio:

  • Juliana Amoasei Reis
  • Sandra José Paulino

Equipe de Produção:

  • Diva Nassar
  • Felipe Leite Gil
  • Jean Gold
  • José Rogério Beier
  • Juliana M. Lima
  • Lucas Lespier
  • Patrícia Brandão
  • Vitor Vasconcelos

Um fim de semana bastante produtivo

Conforme havíamos adiantado por aqui, nesta última sexta-feira entrevistamos o Senador Eduardo Suplicy para colher os depoimentos de sua participação nas negociações que tentaram evitar a reintegração de posse do Pinheirinho, além de sua percepção sobre a situação atual dos ex-moradores daquela comunidade e a possibilidade de uma solução definitiva para o problema de moradia daquelas pessoas.

A entrevista foi realizada em um café dentro do prédio da Faculdade Getúlio Vargas (FGV) e durou aproximadamente 50 minutos, os quais tentamos aproveitar o máximo.

Foto por Jean Gold

Equipe de produção do documentário durante entrevista com o Senador Eduardo Suplicy.

Como havíamos adiantado, Suplicy nos falou sobre a importância de se continuar divulgando informações sobre o Pinheirinho, uma vez que depois que a desocupação já foi realizada, a grande mídia e, consequentemente, boa parte da população, se esquece que aproximadamente oito mil pessoas seguem sem uma solução definitiva para o problema de moradia, isto é, correm o risco de estarem novamente desabrigadas quando acabar o prazo de concessão do benefício do aluguel-social, em dezembro deste ano.

Para não perdemos o pique, no sábado fomos a São José dos Campos para colher imagens da assembleia dos moradores, que ocorre quinzenalmente, onde aproveitamos para entrevistar Marinalva e Juarez, que sofreram o processo de desocupação em janeiro deste ano, além de entrevistar o Marrom, líder comunitário do Pinheirinho.

Foto por Jean Gold

Ex-moradoras do Pinheirinho se encontram em Assembleia realizada no Campão do Campo dos Alemães, em 04 de agosto de 2012.

Portanto, com um fim de semana bastante produtivo, conseguimos coletar material mais do que suficiente para começarmos a produção do vídeo de divulgação a ser veiculado no site do Catarse. Assim, nos próximos dias estaremos dedicados à preparação deste vídeo, editando e montando as muitas horas de imagens que já filmamos, para tentar garantir a captação de fundos que precisamos para executar nosso documentário. Contamos com a colaboração de todos os amigos.